home
icone home icone mapa do site



A julgar pelo nome "Quiaios", o povoado é de origem antiquíssima, provavelmente semítica ou fenícia. Este povoado surge mencionado em documentos do século IX e sabe-se que em 1143, D. Afonso Henriques doou-a em couto ao Mosteiro de Santa Cruz de Coimbra que já possuía parte dele por compra a particulares. Outros documentos referem que, em 1122, a rainha D. Teresa, mãe de D. Afonso Henriques, doou ao seu amante, D. Fernando (Fernão) Peres de Trava, o castelo de Santa Eulália, o de Soure e a Vila de Quiaios. Devido às discórdias entre mãe e filho que, inclusivamente resultaram na batalha de S. Mamede, D. Afonso Henriques assume a governação do reino e expulsa de Quiaios o amante de sua mãe.

Graças à árdua tarefa que Paio Guterres desempenhou na independência de Portugal, o rei doou-lhe, em 1134, parte da vila, tendo a outra parte sido doada ao Mosteiro de Santa Cruz de Coimbra. Mais tarde, em agosto de 1514, no reinado de D. Manuel I, a vila recebe foral que certificava as obrigações e regalias da povoação. O concelho de Quiaios viria a ser abolido em 1836 e aparece como freguesia do concelho de Maiorca. Depois de extinto, Quiaios, passa em dezembro de 1853 a integrar o concelho da Figueira da Foz.

Segundo a lenda popular, existem duas versões semelhantes e prováveis, quanto à origem do topónimo, "Quiaios". Uma das quais diz que D. Afonso Henriques andando à procura de mouros para os expulsar do país, encontrou sinais destes nesta povoação, chamou então os que o acompanhavam e dizendo bem alto de modo a que todos o ouvissem, inclusive os bárbaros, para que surgissem e os atacasse, gritou: "Aqui Aios" ou "aqui há-os", por junção das duas palavras e com o evoluir da língua ficou Quiaios. No entanto, o estudo da língua indica que Quiaios é uma palavra de origem semítica, pode ser tanto fenício ou cartaginês e a sua evolução primitiva que se supõe ter sido "Qiqayon".



quiaios


Património Cultural:

     

Capela de Nossa Senhora da Graça

Capela do Senhor dos Aflitos

Capela da Cova da Serpa

Capela do Santo Amaro


Igreja Paroquial de Quiaios


Casa da Renda
   


Festas e Romarias:


     
- 15 de Janeiro: Festa em honra de Santo Amaro (Serra da Boa Viagem)
- 02 de Fevereiro: Festa em honra de Nossa Senhora da Boa Viagem (Serra da Boa Viagem)
- Mês de Agosto: Festa em honra de Santo Isidro (Cova da Serpe)
- 17 de Agosto: Festa em honra de São Mamede (Quiaios)
- 1º Domingo de Setembro: Festa em honra do Senhor (Quiaios)
- 1º Domingo de Outubro: Festa em honra do Senhor dos Aflitos (Murtinheira)








Tem alguma questão? Entre em contacto connosco!

Por Telefone: 233 910 167 | 233 910 251
Por Fax: 233 910 250
Por E-mail: geral@casapovoquiaios.com



Página Inicial
| Mapa do Site

© 2011-2016 casapovoquiaios.com | Todos os direitos reservados.

Desenvolvimento: FozSitemas  | beedesign